sexta-feira, 31 de dezembro de 2004

FELIZ ANO NOVO!



UM 2005 EM GRANDE PARA TODOS!
A gerência
:)

sexta-feira, 24 de dezembro de 2004

Antes que me esqueça...



FELIZ NATAL!!

quinta-feira, 23 de dezembro de 2004

Ladies and gentlemen:

it's back.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2004

Sessão dupla

Na última semana, vinguei-me do muito tempo que passei sem ir ao cinema. Primeiro, na segunda-feira:

O Tesouro

Gostei do filme, mas não pude deixar de notar alguns erros de raccord - por exemplo, quando a câmara do tesouro é aberta, quase no fim do filme, as tochas nas paredes surgem acesas sem que ninguém lhes toque, como que por milagre... Reconheço que é bem capaz de ser um filme fácil. Não obriga a pensar, o enredo não admite grandes mudanças e o desenrolar é, de forma geral, previsível. Para além disso, ver o filme depois de ler o Código Da Vinci e a Regra de Quatro deixa no ar uma forte sensação de um déjà vu híbrido. Duas horas de entretenimento, apesar de tudo isso.

Na sexta, foi a vez de um filme feito por cá.

Sorte Nula

Vou ser directo: já vi melhor. Não é que a história esteja mal imaginada. Pelo contrário, tem confusões e inflexões q.b. para despistar o mais atento dos espectadores - claro que também tem alguns pormenores a roçar a "barretada", mas desses prefiro nem falar. O problema é que o filme vive muito à custa da cultura "teen" de hoje - Rui Unas, Bruno Nogueira, Isabel Figueira, etc. - e, na minha opinião, o talento dramático de alguns deles deixa algo a desejar. Ainda assim, destaque para o actor principal, Hélder Mendes (desconhecia por completo), que tem um desempenho bastante aceitável - apesar de o seu personagem não ser capaz de dizer um raio dum palavrão, não sei porquê! Em suma, não achei o filme por aí além. Vê-se, mas não me parece que vá fazer parte da colecção de DVDs.

terça-feira, 14 de dezembro de 2004

Decepção

pessoal que nem no próprio jogo consegue seguir as regras...

sexta-feira, 10 de dezembro de 2004

É HOJE, É HOJE!!!

...

O sonho dos meus amigos
É ter um GTI...

Clã

sábado, 4 de dezembro de 2004

Feriado Nacional, sff!

Ò xôr Presidente, já que anda numa de tomar decisões, não quer fazer do 3 de Dezembro feriado nacional? É que, neste mês, mais feriado, menos feriado, ninguém dava por nada e não é todos os dias que o Pinto da Costa é pronunciado arguido à tarde e o Porto leva na espinha à noite! Vá lá, xôr Presidente! Mostre a raça do leão, que a águia agradece!